Não Recomendo “a todos” A Árvore da Vida

Esqueça tudo que você leu na internet sobre o filme… e saiba a opinião simples de uma pessoa como você… sem devaneios, nem exageros…

Como sempre faço aqui no blog tento dar dicas de filmes , comentar um pouco sem bancar a critica de cinema… pois quando você exagera demais nos detalhes acaba perdendo o que realmente importa… as pessoas vão gostar do filme ?

Tudo bem que ele pode ter imagens, belíssimas, reviravoltas interessantes, um fundo moral… etc… mas é assistivel ?

Pois bem… vamos direto ao assunto…

Quando assisti ao trailer de A Árvore da vida não consegui entender  a ideia do filme… depois que assisti ao filme, entendi… mas não era o que eu esperava…. Na verdade o que me levou a ver o filme foi ninguém menos que um dos protagonistas, Brad Pitt, mas tudo é tão solto e confuso que nem da para prestar muita atenção ao ator… na verdade não é confuso… é diferente do que a gente ta acostumado…

Confira o trailer

http://www.youtube.com/watch?v=tlKQyhRLQDQ&feature=related

( obs: como me revolta, ta todo mundo bloqueando incoporação no you tube… enfim… )

A Árvore da Vida”, foi o ganhador da Palma de Ouro em Cannes deste ano, um premio bastante importante, o que prova que o filme é na verdade para a critica, se você for pensar na produção, nas ideias, nos efeitos, e na coragem do diretor Terrence Malick ( Além da Linha Vermelha” (98) ) Você daria o premio ao diretor, mas tenho certeza que se você for analisar bilheteria e reação do público nem tanto… Já é fato que muitas pessoas que foram assistir o filme no cinema saíram na metade da sessão… Mas porque ?

Se você é como a maioria das pessoas que gosta de filmes “normais”, A Árvore da Vida não paga o ingresso, mas se você tiver a mente mais aberta… digo bem aberta… pode até gostar…

O filme mostra um casal na década de 50 e seus 3 filhos que vivem em certa desarmonia com o pai severo e exigente. Na historia o casal passa pela perda de um dos meninos de forma inexplicada. Um acontecimento que vai acompanhar a vida de todos durante toda a vida.

“O pilar da narrativa é Jack (Sean Penn, em participação breve como adulto), um arquiteto do mundo atual que embarca numa viagem rumo à sua infância no Texas da década de 1950. A alegria e a liberdade das brincadeiras ao lado dos irmãos menores, amparadas pelo amor incondicional da mãe (Jessica Chastain), cristã, são contrastadas pela rigidez do pai (Brad Pitt), cético, que não admite desrespeito e controla a família com mão de ferro. Também perdida no passado está a morte de um irmão no exército, aos 19 anos, comunicada por um telegrama.” Ultimo segundo

O grande problema do filme…. ou o melhor do filme, depende do ponto de vista…

Você já assistiu a 2001 – Uma Odisseia no Espaço” (68) ? Se já , você não vai se assustar tanto…  O filme mescla muitas cenas que vão desde a um encontro de irmãos a morte de um dinossauro… Dinossauro ? Isso mesmo… Na verdade algumas vezes parece que estamos assistindo a um mega documentário da National Geographic, as imagens são realmente impressionantes, é claro que da para saber que o objetivo do diretor é mostrar a sequencia da evolução da vida, o problema é aceitar a forma que aparece no filme, não é nossa culpa, nós não estamos acostumados… a fantástica sequência da evolução da vida ficou nas mãos do veterano supervisor de efeitos especiais Douglas Trumbull, um dos responsáveis por nada menos que “Blade Runner” (82). Ele deu um tempo na aposentadoria para ajudar Malick a mostrar o Big Bang, o movimento no espaço sideral, águas-vivas, uma divisão celular vista por dentro, vulcões e o primeiro sinal de compaixão entre dinossauros, para depois seguir os  passos de um bebê. Ou seja um turbilhão de imagens cores e sons, isso tudo acompanhado de música clássica…doidera…

Ou seja não é para o estomago de qualquer um… Que A Árvore da vida vai se tornar um clássico cultuado, é  um fato, pela ideia e todo o contexto e pela coragem, mas agradar ao publico em geral… já acho meio difícil.

Mas enfim se você quiser conferir fique a vontade e se quiser dar uma opinião participa do blog 😉

Este foi um dos filmes mais confusos até hoje de descrever… até agora to perdida nas palavras…

Mas se preparem para o Oscar…. promete viu…

Comenta, Avalia da sua opinião no blog ;)

Gosta de ler ? Conheça meu livro  Um novo amanhecer, e me de uma força comprando no link http://www.lojageek.com/livraria/literatura-ficcao/um-novo-amanhecer.html

Quer manter contato me siga no twitter e ao Movietips :)http://twitter.com/movietipsbrasil MiPortoCastro

MOVIETIPS UM BLOG LIGHT SEM ENROLAÇÃO DO JEITO QUE VOCÊ GOSTA, :) QUER DICAS DE FILMES, LIVROS E SERIADOS ? VOLTA AI.  COMENTA, FAÇA CONTATO NA PÁGINA SOBRE MIM, MANDA E-MAIL, SIGA NO TWITTER

Anúncios

19 comentários sobre “Não Recomendo “a todos” A Árvore da Vida

  1. Ola
    Pois eh, assisti esse filme sem esperar nd. achei um filme lindo, mas extremamente confuso.
    Assisiti pela segunda vez e entendi.o q eu entendi? que nao tem nd pra ser entendido no filme, um roteiro certo, ou outras coisas convencionais, achei um filme pra ser admirado, juro q qdo assiti pela segunda vez me emocionei e fiquei pensando, caramba, que filme.
    Um filme q a mto tempo eu nao via nd igual, acabei achando maravilhoso,mostra a banalidade da nossa vida, mostra que o mais importante na nossa vida eh o Amor, tem uma frase no filme q fala isso msm, que sem amor a nossa vida passa como um flash. Pra mim isso ja bastou.
    Eh soh minha opiniao.
    Grande Abraco
    Will

    • Will talvez ele tenha mesmo que ser visto 2 vezes…. na 1 primeira quando você não sabe doque se trata acaba se irritando. Mas depois que vc entende ele fica muito mais bonito 😉
      Obrigada pela visita.
      Abraços

  2. Achei as imagens lindas, o elenco foi maravilhoso, tentei assistir o filme 4 vezes, as 3 primeiras eu dormi, o filme é muito lento, sem muita emoçao, extremamente confuso, sem fala que quando entrou aquelas imagens que nao acabava mais, achei q o filme tinha mudado de genero, desde o começo percebi q um dos irmaos tinha morrido,, mas nao sabia qual e nem quando… se alguem consegul entender a moral do filme um pouco mais do que eu, gostaria q compartilhasse… agora tirando as criticas, achei algumas palavras muito lindas como,,, a menos que vc ame, sua vida passará como um flash… bjsss a todos

    • Você definiu muito bem 🙂
      O filme é confuso 🙂
      Mas ninguém pode negar que os efeitos especiais são de tirar o folego.
      Eu fiquei grande parte do filme tentando descobrir qual irmão tinha morrido também.

  3. Oi Michele, entendi que o filme tem muito a ver com Deus. Em muitos momentos, as pessoas estão orando. As lindas imagens mostram o momento em que o Senhor criou todas as coisas. E como seu amor se manifesta em tudo. Tem uma frase no início que compara o amor universal ao seu oposto, a natureza humana. Um aceita tudo, não se envaidece. O outro, é tirano, seu egoísmo não tem limites. E como tudo isso pode ser transposto a uma pessoa, a uma família e a todos os seres. A citação do Livro de Jó reforça essa tese, o diálogo de Jó com o Senhor, quando Jó perde tudo e então questiona as intenções de Deus. No filme há momentos em que isso ocorre, como quando alguém diz à mãe que acaba de perder o filho e diz que Deus deixou suas feridas ás moscas, uma blasfêmia, mas é assim que muitas vezes reagimos ao perder alguém que amamos, e questionamos Deus assim como fez Jó. Aliás, ler a Bíblia talvez ajude a entender esse filme, que apesar de lento, cansativo e aparentemente sem nexo, é belíssimo e (talvez rsrs) possa nos ensinar algumas coisas. Que Deus te abençoe!

    • Amém 🙂 Realmente senti um lado religioso no filme 🙂 Mas a Compreensão desses assuntos é realmente muito complicada e difícil de se abordar em um filme desses 😉
      Valew pela visita.

  4. O próprio título, “A Árvore da Vida”, remete ao Jardim do Éden. Realmente, vale a pena consultar a Bíblia em Gênesis, que fala sobre a criação do universo. Claro, daí a afirmar que o diretor é cristão, não saberia dizer. Quem sabe ele não está falando sobre elementos da própria infância?

  5. Realmente esse filme é bastante confuso, mas como citado, depende do ponto de vista de cada. Além dos efeitos, imagens e história, gostei muito da crítica religiosa existente. Eu assisti duas vezes e na segunda consegui entender de uma forma particular, a partir disso ficou mais fácil de assisti-lo. Uma das situações que eu mais gostei foi quando uma das vizinhas vai ao apoio da mãe do garoto falecido e diz: ” agora ele está nas mãos de Deus” e a mãe pensa consigo “mas ele sempre não esteve?”, questionando Deus do porquê aquilo tinha acontecido, já que ela escolheu o “caminho da graça”. O filme é rico em críticas religiosas representadas por situações cotidianas, como por exemplo, “o pai autocrático que cobra do filho aquilo que nem ele mesmo faz”, “a religião rígida que não explica a verdadeira condição humana e nem apura suas consequências”. Enfim, sinceramente eu gostei muito do filme, mas não indico de maneira alguma …já que como se diz “nem tudo é para todos”.

    • Nossa Evelyn adorei seu comentário, muito bem justificado e bem fundado na trama.
      Realmente a Árvore da Vida é um filme complicado de se recomendar mas para aqueles que gostam realmente de filmes pisicológicos este é com certeza uma boa indicação, a questão religiosa realmente é um dos focos do filme assim como a evolução da vida mostrada de forma magistral. Na minha opinião o filme poderia ser melhor dividido e não teria ficado tão confuso para a maioria. Mas como como condamos 😉 Nem tudo é para todos.
      Abracos e até a próxima.

  6. Fui assistir este filme hoje (há alguns minutos) e sinceramente fui pulando e nao entendi nada! Depois vim procurar na internet afinal, nao devia ser só eu que nao entendi…
    O blog me deu uma clareada na mente, quem sabe nao veja uma segunda vez, agora de um outro ponto de vista…acho que vou entender melhor. Mas deixa essa 2º vez pra outro dia..haha

    Otimo blog!

  7. Fui assistir este filme hoje (há alguns minutos) e sinceramente fui pulando e nao entendi nada! Depois vim procurar na internet afinal, nao devia ser só eu que nao entendi…
    O blog me deu uma clareada na mente, quem sabe nao veja uma segunda vez, agora de um outro ponto de vista…acho que vou entender melhor. Mas deixa essa 2º vez pra outro dia..haha

    Otimo blog!

    • hahah bom eu realmente na veria novamente a Arvore da Vida porque acredito que existem filmes cabeças melhores. Se quiser ver um filme diferente porém muito interessante assista Cloud Atlas 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s