O que esperar de A Lenda dos Guardiões

Um desenho 3D diferente do que estamos acostumados.

Para começar vamos ressaltar o lado positivo do filme.

Meu Deus!!! Que efeitos visuais, as corujas parecem realmente de verdade, a textura das penas a forma que com que elas voam. É tudo de um perfeito absoluto.  O filme trás fidelidade aos movimentos dos bichos que em A lenda dos guardiões agem realmente como corujas, nada de pata usada como mão e estranhos movimentos do bico imitando a boca. Você realmente acredita na interpretação dos bichos.

Um pouco da historia:

Sinopse retirada do site http://www.cinepop.com.br/

Soren, uma jovem coruja fascinada pelas histórias épicas contadas pelo seu pai sobre os Guardiões de GaHoole, um bando mítico de guerreiros alados que lutaram em uma grande batalha para salvar todas as corujas dos maldosos Puros.

Enquanto Soren sonha em algum dia unir-se aos seus heróis, seu irmão mais velho, Kludd, zomba da ideia, e prefere caçar, voar e tirar a predileção de seu pai pelo irmão mais novo. Mas a inveja de Kludd tem consequências terríveis — fazendo com que ambas as corujinhas caiam de sua casa no topo da árvore direto para as garras dos Puros. Agora depende de Soren realizar uma fuga audaciosa com a ajuda de outras jovens corujas. Juntas elas voam cruzando o oceano e a bruma para encontrar a Grande Árvore, lar dos lendários Guardiões de GaHoole — a única esperança de Soren para derrotar os Puros e salvar os reinos das corujas.”

Agora a realidade do filme…

São 90 minutos tensos… a historia é pesada, carregada, não tira sorrisos, muito pelo contrário, a gente fica nossa… essas corujas são realmente más…

Veja o que o site http://www.omelete.com.br  comentou sobre a direção de Zack Snyder:

“Snyder parece um pouco desconectado do que as crianças estão gostando hoje em dia. O filme não tem humor (os alívios cômicos são quase nulos) e o tom épico é exagerado, assim como a violência. Não há sangue, claro, mas as situações de combate são bastante incisivas. Já as emoções – que atrairiam os adultos, a la Pixar – são superficiais (acredita-se no exército de corujas, mas não na transformação do irmão de Soren). Não há muito como errar seguindo estruturas de história tão antigas quanto a linguagem escrita e usando técnicas de ponta de animação, mas dá, sim, pra se equivocar dirigindo o filme a um determinado público e não fazer concessões sobre seus gostos e preferências para se adequar. Os fãs do cineasta e de técnicas de CGI devem apreciar A Lenda dos Guardiões, mas não diria o mesmo de seus filhos.”

Realmente na minha opinião os produtores se perderam quanto ao público alvo, não acho que nem crianças e nem adultos vão agradar muito da historia simplesmente pelo fato de que, quando você os pôster e os trailers do filme você espera que seja algo fofo, o que pelo menos seja algo agradável mas quando o filme termina você fica com aquela sensação… Nossa que desenho mais tenso. A impressão que da é que quiseram dar um ar de batalha sangrenta em um desenho sem literalmente mostrar uma batalha sangrenta… Deu pra entender ?

Não… ? Bom eu realmente não recomendo para ver com seus filhos e coisa e tal, mas se quiser assistir para literalmente babar nos efeitos especiais e visuais do filme ai sim… Este são de impressionar.

Confira os trailer e comente 😉

Então se gostou da notícia ? Avalia, divulga, em breve sai meu livro, conheça o blog Um novo amanhecer, siga no twitter  o Movietips e a mim também  :)

http://twitter.com/movietipsbrasil e MiPortoCastro

Anúncios

2 comentários sobre “O que esperar de A Lenda dos Guardiões

  1. Vi 40 minutos desse filme e não aguentei. Existem pontos que realmente devem ser levados em conta, mas como você mesma disse, o longa se perde ao tentar agradar dois públicos e ficar no meio do caminho.

    Quando vi o trailer realmente esperava algo mais fofinho, mas quando assisti percebi um dos grandes erros nesse tipo de animação. Tentar passar para o público um filme real atráves dos seus efeitos, mas ao mesmo tempo fazer com que esse mesmo público engula bichos que falam.

    Animações são boas quando existe um meio termo. Muitas pessoas me criticam, mas pra mim Up foi uma merda foda. Quando vi o trailer uma das coisas que pensei foi: Caramba que maneiro o cachorro fala e tal. Quando vi o filme me arrependi, eles simplesmente tiraram a magia colocando uma razão para o cachorro falar, em seguida o cachorro acaba ficando tão simples que ele nem é mais o único a falar. Pode parecer bobeira, mas foi essa magia sem explicação que me introduziu à esse universo lá em Toy Story.

    Enfim, esse é um dos erros que não consigo superar.

    • Legal comentário Thiago. 🙂 Olha eu curti UP mas gosto é algo muito pessoal. Quanto a A lenda dos guardiões realmente foi um desperdicio de dinheiro e tecnologia…
      Deveria ser um filme fofo para criança e agradavel para adultos. E nem ficou fofo nem muito menos agradável.
      Dificilmente deixo de gostar de um desenho 3D mas a Lenda dos Guardiões mostra que tem sempre a primeira vez 🙂
      Abração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s